Pensée

Falar de amor... é deixar o amor falar.

Textos



Esta saudade
 

Morde-me o tempo
com os dentes afiados da saudade.
Meu coração, esse, geme a cada trincadela
e, nos intervalos possíveis,
agarro-me à tua imagem
esperando o sarar das feridas…
Neste querer de sempre,
fustigado pela distância.

04/09/2017
 

Lucibei@poems
Lúcia Ribeiro
Da coletânea ,
“Poetas d’hoje” - Cantam a Saudade
Edição do Grupo de Poesia da Beira Ria I  Aveiro

 

 
Lucibei
Enviado por Lucibei em 20/11/2017
Alterado em 01/09/2020
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras